Fototermólise Seletiva

O que é fototermólise seletiva?

Para remover tatuagens, o laser de YAG obedece ao princípio da fototermólise seletiva. Esse conceito é o princípio ativo do laser de Nd:YAG e foi proposta pela primeira vez em 1983, por Anderson Parrish. A fototermólise seletiva atua destruindo seletivamente, ou seja, leva em conta que algumas estruturas do corpo captam mais calor e energia do que outras, quando expostas à luz.

No corpo humano, algumas estruturas do corpo possuem mais cor do que outras. Essas que possuem mais coloração são chamadas cromóforos – os pelos e a tinta de tatuagem são um exemplo – por serem contrastantes com a pele. Portanto, tatuagens pretas em peles claras precisam de menos sessões por conta da afinidade do laser com o contraste entre pele e desenho. Pensando nisso, surgem diversos aparelhos emissores de luz capazes de realizar a fototermólise seletiva, cada um configurado de maneira própria que faça com que essa técnica aconteça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *